Mensagem dos Autores

Motivados pelo desenvolvimento da Odontologia Legal no Brasil, os autores tiveram a iniciativa de agregar mais uma ferramenta de convergência da classe pericial odontológica com o intuito de divulgar notícias, eventos, trabalhos científicos, além de contribuir para a discussão e troca de experiências entre os praticantes da perícia odontolegal. Contamos com todos para tornarmos este Blog um centro de encontro e de crescimento profissional.







segunda-feira, 12 de outubro de 2015

Ortodontista tem obrigação de resultado com tratamento de paciente



Notícia publicada pela Dra. Joice Cristiane no JusBrasil.

"A responsabilidade do ortodontista em tratamento de paciente que busca um fim estético-funcional é obrigação de resultado, a qual, se descumprida, gera o dever de indenizar pelo mau serviço prestado.

A decisão é da Quarta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ). Um profissional do Mato Grosso do Sul não conseguiu reverter a condenação ao pagamento de cerca de R$ 20 mil como indenização pelo não cumprimento eficiente de tratamento ortodôntico.

A ação foi ajuizada por uma paciente que alegou fracasso de procedimentos realizados para correção do desalinhamento de sua arcada dentária e mordida cruzada.

Na ação, a paciente pediu o ressarcimento de valores com a alegação de que foi submetida a tratamento inadequado, além de indenização por dano moral. A extração de dois dentes sadios teria lhe causado perda óssea.

Já o ortodontista não negou que o tratamento não havia conseguido bons resultados.

Contudo, sustentou que não poderia ser responsabilizado pela falta de cuidados da própria paciente, que, segundo ele, não comparecia às consultas de manutenção, além de ter procurado outros profissionais sem necessidade.

O ortodontista argumentava, ainda, que os problemas decorrentes da extração dos dois dentes – necessária para a colocação do aparelho – foram causados exclusivamente pela paciente, pois ela não teria seguido as instruções que lhe foram passadas. Para ele, a obrigação dos ortodontistas seria “de meio” e não “de resultado”, pois não depende somente desses profissionais a eficiência dos tratamentos ortodônticos.

Em primeira instância, o profissional foi condenado a pagar à paciente as seguintes quantias: R$ 800, como indenização por danos materiais, relativa ao valor que ela pagou pelo aparelho ortodôntico; R$ 1.830, referentes às mensalidades do tratamento dentário; R$ 9.450, valor necessário para custear os implantes, próteses e tratamento reparador a que ela deverá submeter-se; R$ 8.750, como indenização por danos morais.

Obrigação de resultado

O relator do caso, ministro Luis Felipe Salomão, afirmou que, na maioria das vezes, as obrigações contratuais dos profissionais liberais são consideradas como de meio, sendo suficiente atuar com diligência e técnica para satisfazer o contrato; seu objeto é um resultado possível.

Mas há hipóteses em que é necessário atingir resultados que podem ser previstos para considerar cumprido o contrato, como é o caso das cirurgias plásticas embelezadoras.

Seguindo posição do relator, a Quarta Turma entendeu que a responsabilidade dos ortodontistas, a par de ser contratual como a dos médicos, é uma obrigação de resultado, a qual, se descumprida, acarreta o dever de indenizar pelo prejuízo eventualmente causado

Sendo assim, uma vez que a paciente demonstrou não ter sido atingida a meta pactuada, há presunção de culpa do profissional, com a consequente inversão do ônus da prova.

Os ministros consideraram que, por ser obrigação de resultado, cabe ao profissional provar que não agiu com negligência, imprudência ou imperícia ou, ainda, que o insucesso do tratamento ocorreu por culpa exclusiva da paciente.

O ministro Salomão destacou que, mesmo que se tratasse de obrigação de meio no caso em análise, o réu teria "faltado com o dever de cuidado e de emprego da técnica adequada", impondo igualmente a sua responsabilidade.

O tratamento tinha por objetivo a obtenção de oclusão ideal, tanto do ponto de vista estético como funcional.

A obrigação de resultado comporta indenização por dano material e moral sempre que o trabalho for deficiente, ou quando acarretar processo demasiado doloroso e desnecessário ao paciente, por falta de aptidão ou capacidade profissional.

De acordo com o artigo 14, parágrafo 4º, do Código de Defesa do Consumidor (CDC) e artigo 186 do Código Civil, está presente a responsabilidade quando o profissional atua com dolo ou culpa.

Mas para a apuração desta obrigação deve ser provada a culpa do profissional.. Tal hipótese está prevista no art. 14, § 4º, do CDC:

§ 4º A responsabilidade pessoal dos profissionais liberais será apurada mediante a verificação de culpa.

A decisão da Quarta Turma, ao negar pretensão do ortodontista, foi unânime."

Fonte: JUSBRASIL

13 comentários:

Unknown disse...


Hi, I do think this is a great blog. I stumbledupon it ;) I will return once again since i have book-marked it. Money and freedom is the greatest way to change, may you be rich and continue to help others. capital one card login in

Travis Smith disse...


It's actually a nice and useful piece of information. I'm happy that you shared this helpful info with us. Please stay us up to date like this. Thank you for sharing. aol mail login

Cecilia disse...

Today, as soon as your home value doesn't match your loan, you might be considered to get under water. mortgage payment calculator Fast toward 2020, we reached out to your trusted broker Dashna as we required to do refinance plus needed to close with a preconstruction there was bought. mortgage calculator

Edison hope disse...

I am reading this great informative post. Thanks for posting. Foreign citizens can apply for a Turkey Travel Visa online. You should apply for a Tourist visa to Turkey only if you intend to visit the country for tourism purposes.

Tom disse...

Nice article thank you for this. Check the Kenya visa requirements before you apply for the Kenya visa through online visa application. The e visa application offers the fast visa services. Thank you

Allen smith disse...

I have read this article many times, and I found it very helpful. I really appreciate the time and effort you put into this article and click here to apply for a fast track Indian visa. An e-visa to India has now become easier to obtain.

James disse...

Your post is very informative and useful. India emergency visa processing time is faster as compared to traditional visa. You can get a visa in just a few days.

Isabella Ava disse...

I think this is an informative post and it is very useful and informative. So, I would like to thank you for the effort you put into writing this article. The India e visa or Electronic Visa (eTV) is an online travel authorization. You can apply for an India e-visa online via the e visa India website.

Victor disse...

Feeling so excited to have read through your amazing article post, business visa Vietnam is a valid permit for those business people who want to do business in Vietnam .

Bob Murley disse...

Really I appreciate the effort you made to share your knowledge. The topic I found here was really effective.. If you are interested in traveling to India, then you will need a visa. You can apply for your Indian visa online. At any time of the day, It can be done online easily and quickly at any time of the day, at any time of the day. You won't need to visit the embassy or the consulate. You can complete your visa application online & pay cost of e visa India online after completing the application.

Sophia disse...

Wonderful article, thanks for putting this together! This is obviously one great post. Thanks for the valuable information and insights you have so provided here. Travelers who are planning to visit Turkey. Travelers planning to travel to Turkey. They should be aware of the Turkey visa requirement to avoid inconvenience during the visa process.

Edison hope disse...

Impressive blog to read! Do you know how much the Turkey visa application form processing time? If you wish to have great memories with your family in Turkey, it is not so difficult with an e-Visa. Get an e-Visa in just 3 steps and enjoy your trip. If you urgent need Turkey visa you can get your within 6-12 hour your Turkey visa


Elvin Brayden disse...

I will bookmark your website because it's so amazing. I will share it with my loved ones. Travelers have the option of applying for an e visa of Turkey online from anywhere in the world, as long as they have an internet connection and valid documents.

Postar um comentário

Compartilhe