Mensagem dos Autores

Motivados pelo desenvolvimento da Odontologia Legal no Brasil, os autores tiveram a iniciativa de agregar mais uma ferramenta de convergência da classe pericial odontológica com o intuito de divulgar notícias, eventos, trabalhos científicos, além de contribuir para a discussão e troca de experiências entre os praticantes da perícia odontolegal. Contamos com todos para tornarmos este Blog um centro de encontro e de crescimento profissional.







sexta-feira, 30 de outubro de 2009

Erro odontológico? Cirurgião-dentista não aparece para prestar depoimento


Cirurgião-dentista não aparece para prestar depoimento

O DFTV ouviu, hoje, o coordenador da clínica onde César, o menino que teve os dentes arrancados, fazia tratamento. Depoimento de estagiárias reforça que não era preciso extrair todos os dentes.
Os depoimentos das estagiárias duraram quase cinco horas, nessa sexta-feira, dia 23, na 5ª Delegacia de Polícia. O delegado já tem provas suficientes pra indiciar o cirurgião-dentista por lesão corporal gravíssima.
“As próprias estagiárias declararam pra gente, após a intervenção cirúrgica, espanto, surpresa com aquele procedimento. Uma delas chegou a comentar: se fosse meu filho eu não permitiria”, relata o delegado Laércio Rossetto.
Para o diretor do Instituto Médico Legal (IML), Malthus Fonseca Galgão, está claro: não existia nenhuma indicação de que todos os dentes do adolescente César Oliveira precisassem ser arrancados.
“Mesmo se eu não tivesse a radiografia anterior, só com a final pela forma dos remanescentes auveolares, os locais onde os dentes se encaixam, é possível afirmar: não existia indicação, não existia necessidade da extração de todos os dentes, somente de dois elementos dentários”, assegura Galgão.
“A gente tem a plena convicção de que ele tirou os dentes de livre e espontânea vontade, porque assim bem entendeu que deveria fazer. No momento da cirurgia, as próprias estagiárias e o doutor responsável pela cirurgia constatou que os dentes do César já eram tratados por um odontologista, havia um tratamento ortodôntico pra corrigir os dentes. E ainda comentaram: olha como os dentes dele estão alinhados”, completa Rosseto.
Durante sete meses, César foi atendido na clínica odontológica de uma universidade particular. Foi um tratamento longo e, quando ele terminou, estava sem cáries, sem placa e com o alinhamento perfeito dos dentes. A indicação dos dentistas era pra que apenas dois dentes fossem arrancados no Hospital Regional da Asa Norte (Hran). A notícia de que todos foram extraídos surpreendeu os profissionais que atendiam César.
Com o prontuário de César em mãos, o coordenador da odontologia, Cláudio Maranhão, lembra que ele gostava do tratamento e cuidava muito bem dos dentes com a ajuda da mãe.
“Partindo do pressuposto que ele saiu da universidade em maio com uma ótima higienização, uma boa condição bucal, não esperávamos isso, e sim que apenas dois dentes fossem retirados”, afirma Maranhão.
O cirurgião-dentista que fez o procedimento não compareceu ao depoimento marcado para ontem (23). O advogado dele apresentou um atestado médico de 60 dias, mas apenas para afastamento do trabalho. O delegado espera ouvi-lo na próxima semana e concluir o inquérito.



terça-feira, 27 de outubro de 2009

Jornada de Odontologia Legal do Sudeste

Data: 27 e 28 de novembro de 2009.
Local: CRO-MG.
Contatos: secretaria@cromg.org.br , http://www.cromg.org.br/ , (31 - 2104 3011)

segunda-feira, 26 de outubro de 2009

Departamento de Ciências Forenses - Laurentian University (Canadá)

Contato:

Dr. Scott Fairgrieve, Ph.D.

Associate Professor,
Chair, Dept. of Forensic Science
Director, Forensic Osteology Laboratory
Laurentian University

(705) 675-1151 Office ext. 4209
Osteo Lab ext. 4371; SEM Lab ext. 4234
Secure Lab Fax (705) 671-3853
Forensic Dept. Page http://laurentianforensicscience.ca/

quarta-feira, 21 de outubro de 2009

Erro odontológico? Rapaz vai ao dentista tirar 2 dentes e sai banguela.

Brasília – Um jovem de 17 anos, deficiente mental, foi a um hospital da rede pública do Distrito Federal (DF) extrair dois dentes, mas saiu de lá sem nada na boca, depois que o cirurgião-dentista que o atendeu arrancou 28 dentes. A denúncia foi feita pela mãe do garoto, Maria Oliveira, e levou a Secretaria de Saúde do DF a afastar, na segunda-feira, o dentista e a chefe da área odontológica do Hospital Regional da Asa Norte, no Plano Piloto. A mãe conta que o filho precisava extrair dois dentes e teria ficado nervoso durante uma tentativa no consultório dentário. Por isso, acabou encaminhado ao hospital, onde recebeu anestesia geral. A decisão de extrair todos os dentes teria sido tomada pelo dentista durante a cirurgia, em 24 de setembro.

“O que eu quero é meus dentes de novo. Não posso ficar sem meus dentes”, disse César Oliveira Ferreira ao DF-TV, telejornal da TV Globo. Aluno da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae), César teria deixado de ir à escola por vergonha.
O caso é investigado pela Polícia Civil, Ministério Público, Conselho Regional de Odontologia e o governo do DF. A Secretaria de Saúde não divulgou o nome do dentista. Ele corre o risco de perder o emprego, o registro profissional e de ser processado civil e criminalmente. (AG)
Fonte: www.opopular.com.br em 21/10/2009.

segunda-feira, 19 de outubro de 2009

Practical Forensic Dentistry: Theory and practice of forensic dentistry - by R. Thomas Glass


Editorial Reviews
Every member of the dental team practices forensic dentistry on a daily basis. Forensic dentistry is of major importance in body identification in criminal investigations and in identifying badly damaged victims of mass disasters; it also includes identifying and analyzing bite marks; personal injury analysis; and dental malpractice analysis. In each of these areas, forensic dentistry provides the Court with necessary evidence to make sound legal decisions. This book provides readers with a practical guide to the everyday practice of forensic dentistry by covering body identification by dental means and bite mark evidence collection and analysis. Civil litigation also is covered in sections on personal injury and dental malpractice analysis with basic and complex cases presented. ¿Action chapters¿ are provided with check lists of what needs to be available for morgue and field work as well as for court appearances. Part II, Forensic Dentistry in Action, has numerous case notes and photographs of actual forensic investigations. These examples confirm the vital role the forensic dentist and dental auxiliaries can play in civil and criminal investigations.

Product Details
Paperback: 216 pages
Publisher: VDM Verlag (June 30, 2009)
Language: English
ISBN-10: 3639171098
ISBN-13: 978-3639171099
Product Dimensions: 8.7 x 5.9 x 0.5 inches
Compre em:
http://www.amazon.com/Practical-Forensic-Dentistry-practice-dentistry/dp/3639171098/ref=sr_1_1?ie=UTF8&s=books&qid=1255750949&sr=8-1


domingo, 18 de outubro de 2009

Brasil Forense 2010 - Congresso Brasileiro de Medicina e Odontologia Legal


Informações em: http://www.abml-medicinalegal.org.br/

sábado, 17 de outubro de 2009

XIV CONGRESSO BRASILEIRO DE ANATOMIA


Local: Ribeirão Preto, SP
Data: 10 a 14 de outubro de 2010
Presidente: Profa. Dra. Valéria Paula Sassoli Fazan
Informações: http://www.sbanatomia.com.br/ http://www.cbanatomia2010.com.br/
E-mail: sbanatomia@yahoo.com.br, sba@icb.usp.br

Dental Autopsy - by William E. Silver & Richard R. Souviron


Editorial Review
A complete handbook for investigators, examiners, lawyers, and witnesses, this volume details protocols employed by one of the most prominent and busiest medical examination laboratories in the world. Organized in a concise but thorough format, it offers complete procedures for performing autopsies on teeth and jaws and shows how to preserve evidence of dental interest, including bite marks. It also shows the importance of proper record taking, explaining the use of charts, radiographs, and photographs in making accurate identification. The scope of the book spans from crime scene intake to remains exhumation, and also covers work with fresh, decomposed, and skeletal remains. More than 300 color photos are featured.

Product Details
Hardcover: 276 pages
Publisher: CRC; 1 edition (June 23, 2009)
Language: English
ISBN-10: 1420070134
ISBN-13: 978-1420070132
Product Dimensions: 10.1 x 7.2 x 0.6 inches
Compre em: http://www.amazon.com/Dental-Autopsy-William-E-Silver/dp/1420070134/ref=sr_1_1?ie=UTF8&s=books&qid=1255750018&sr=8-1#noop

sábado, 10 de outubro de 2009

Forensic Odontology and Age Estimation - by Matt Blenkin (Author)



Editorial Reviews

Building a biological profile is often the critical step in the identification of recovered human remains. Stature, sex, race and age if known, can assist by significantly limiting the field of potential identities to be searched. It is often the Odontologist who is requested to provide the estimate of age. This book is a concise introduction to forensic odontology and the principles of identification. It provides a critical review of the available literature and documents the development of a population specific age estimation technique. This analysis sheds light on the vast array of age estimation techniques available to the forensic practitioner. The method of developing an effective population specific model is easy to follow and replicate. It gives the Odontologist the tools required to more accurately estimate age and contribute significantly to the development of a biological profile.


Paperback: 244 pages
Publisher: VDM Verlag (September 18, 2009)
Language: English
ISBN-10: 3639198786
ISBN-13: 978-3639198782
Product Dimensions: 8.7 x 5.9 x 0.5 inches

Para adquirir:

Compartilhe